anaguerra@mundocult.com.br

Notícias

FUNDAÇÃO IBERÊ CAMARGO TEM FINAL DE SEMANA COM INTENSA PROGRAMAÇÃO

 

O primeiro fim de semana de fevereiro na Fundação Iberê Camargo marca o encerramento da exposição Vivemos na Melhor Cidade da América do Sul e a abertura de Sol Preto, do artista Daniel Frota, com visita guiada. A programação conta, ainda, com música das DJs Paula Vargas (sábado) e Joelma Terto (domingo) e sessão comentada do filme inédito em Porto Alegre Era Uma Vez Brasília no Cine Iberê. A entrada é franca em todas as atividades.

No sábado, 3 de fevereiro, a Fundação Iberê Camargo inaugura a exposição Sol Preto, do artista carioca Daniel Frota, que traz instalações, esculturas, gravuras e vídeo que abordam o conflito entre as crenças religiosa e científica. A abertura será marcada por uma visita guiada pelo próprio artista, às 16h.

A mostra Sol Preto parte da pesquisa do artista Daniel Frota sobre uma expedição científica realizada em 1919, na cidade de Sobral, no sertão do Ceará, que teve o objetivo de observar e documentar um eclipse solar. As obras presentes na exposição investigam o impacto causado pela presença dos pesquisadores britânicos na população local, evocando o choque entre crenças religiosas e científicas, e mostrando as relações de poder estabelecidas pelo contraste entre o avanço do conhecimento científico e a precariedade socioeconômica da região.

No fim da tarde de sábado, das 17h às 20h, tem música ao ar livre com a DJ Paula Vargas, que fará um set de música eletrônica com influência House. Vencedora do concurso da Budweiser no MECA, Paula Vargas encontrou no House a melhor forma de se comunicar com as pessoas.

O domingo será o último dia para visitar a exposição Vivemos na Melhor Cidade da América do Sul e utilizar a obra Chuvaverão, do coletivo carioca OPAVIVARÁ!, que consiste em quatro chuveirões ao ar livre para serem utilizados pelos visitantes.

O Cine Iberê, que acontece no domingo, às 16h, exibe do filme Era Uma Vez Brasília, do cineasta Adirley Queirós – conhecido por seu premiado longa-metragem Branco Sai, Preto Fica (2014). Esta será a primeira exibição do filme em Porto Alegre, antes de seu lançamento comercial em 2018. Os comentários ficam por conta da montadora e produtora Cristina Amaral, considerada uma das mais importantes profissionais de montagem do cinema brasileiro, com mediação de Marta Biavaschi, curadora do projeto. Misto de ficção científica e documentário, o filme parte da inauguração da cidade de Brasília para discutir a realidade política pós-impeachment da Presidenta Dilma Roussef. A sessão integra o programa Eclipse – atividade cinematográfica paralela à exposição Sol Preto, em cartaz na Fundação.

Encerrando a tarde de domingo, das 17h às 20h, a DJ Joelma Terto comanda a música ao ar livre. Alagoana radicada em Porto Alegre, Joelma discoteca em festas de brasilidades, como Cadê Tereza? e Acabou Chorare, tendo a pesquisa em música brasileira como uma constante. Seus setlists são compostos por sons de vários gêneros, épocas e regiões do país, especialmente vozes femininas e artistas do Norte e Nordeste. Já tocou em eventos de rua como Food Party e Ceva no TOTAL e em festas como a Cariñito, Odara e Baile Made in Brazil. No domingo, vai tocar de clássicos tropicalistas a nomes da nova MPB.

A exposição Vivemos na melhor cidade da América do Sul, apresenta pinturas, esculturas, fotografias, instalações, vídeos e performances de 28 artistas brasileiros referenciais, como Alair Gomes, Beto Shwafaty, Carlos Vergara, Guga Ferraz, Hélio Oiticica, Iberê Camargo, Maria Sabato, Mario Testino e Rosângela Rennó, entre outros. A mostra, com curadoria de Bernardo José de Souza e Victor Gorgulho, a mostra parte da canção Baby, de Caetano Veloso, para investigar noções contraditórias de tropicalidade, identidade nacional, corpo e violência, e analisa a paisagem estética e política do Rio de Janeiro para lançar uma mirada crítica sobre o Brasil.

A Fundação Iberê Camargo tem o patrocínio de Itaú, Grupo GPS, IBM, Oleoplan, Agibank, BTG Pactual, Banrisul e apoio SLC Agrícola e DLL Group, com realização e financiamento do Ministério da Cultura / Governo Federal. A exposição Vivemos Na Melhor Cidade da América do Sul tem o patrocínio de Farm Rio e Baldo S/A.

 


Fim de semana na Fundação Iberê Camargo – programação


Sábado, 3 de fevereiro:

Inauguração da exposição Sol Preto, de Daniel Frota

16h - Visita guiada à exposição Sol Preto com Daniel Frota

17h - DJ Paula Vargas na Iberê

Das 15h às 20h - Chuvaverão – ativação da instalação do Coletivo Opavivará!

Das 15h às 20h – visitação às exposições

 

Domingo, 4 de fevereiro:

Último dia de visitação à exposição Vivemos na Melhor Cidade da América do Sul

16h - Cine Iberê – Era uma vez Brasília, de Adirley Queirós (1h40min, 2017, Brasil/Portugal). Sessão comentada com a montadora Cristina Amaral. Mediação: Marta Biavaschi

17h - Discotecagem ao ar livre com DJ Joelma Terto

Das 15h às 20h - Chuvaverão – ativação da instalação do Coletivo Opavivará!

Das 15h às 20h – visitação às exposições

 

 

Exposição Sol Preto

Artista: Daniel Frota

Visita guiada pelo artista: 03 de fevereiro, sábado, às 16h

Local: 4º andar

Período de exibição: de 03 de fevereiro a 08 de abril de 2018

 

Exposição Vivemos na Melhor Cidade da América do Sul

Artistas: Adriano Costa, Alair Gomes, Anna Franceschini, Beto Shwafaty, Carlos Vergara, Caroline Valansi, Débora Bolsoni, Dominique Gonzalez-Foerster, Guga Ferraz, Guerreiro Do Divino Amor, Hélio Oiticica, Iberê Camargo, Joe Williamson, Maria Sabato, Mario Testino, Manoela Medeiros, Marcos Chaves, Miúda, Pedro Flutt, Pedro Victor Brandão, Pedro Rocha, OPAVIVARÁ!, Raymundo Amado, Rodrigo Matheus, Romain Dumesnil, Rosângela Rennó e Vivian Caccuri.

Curadoria: Bernardo de Souza e Victor Gorgulho

Local: átrio, 2º e 3º andares

Período de exibição: até 04 de fevereiro de 2018 – ÚLTIMOS DIAS

 

Visitação: sábados e domingos, das 15h às 20h

 

ENTRADA FRANCA 

Endereço: Fundação Iberê Camargo - Avenida Padre Cacique, 2000 

Transporte: As linhas regulares de lotação que vão até a Zona Sul de Porto Alegre param em frente ao prédio, assim como as linhas de ônibus Serraria 179 e Serraria 179.5. É possível tomá-las a partir do centro da cidade ou em frente ao shopping Praia de Belas. O retorno pode ser feito a partir do Barra Shopping Sul, por onde passam diversas linhas de ônibus com destino a outros pontos da cidade.

Site: www.iberecamargo.org.br

 

 Foto: Divulgação Paula Vargas

 

 

 

Veja Também