anaguerra@mundocult.com.br

Notícias

TRABALHO DO CENTRO SOCIAL PE. PEDRO LEONARDI VIRA DOCUMENTÁRIO

 

Fundado em 21 de abril de 2005 pelo pároco Claudionir Ceron, o Centro Social Pe. Pedro Leonardi vem, desde então, mudando a vida de centenas de pessoas que moram num dos bairros mais pobres de Porto Alegre. Projetos, em diferentes áreas, foram criados para atender de crianças a idosos, de trabalhadores de baixa renda a moradores de ruas, de deficientes físicos a dependentes químicos, que moram na Restinga Velha, em Porto Alegre, e incluí-los na sociedade. A volta por cima de quem recuperou a esperança será o tema do documentário “A Casa Azul”, realizado pela produtora gaúcha Supernatural Filmes. 

O nome do documentário se deve ao começo de tudo. Uma pequena casa de cor azul, localizada na Restinga Velha, serviu para o pontapé inicial do Centro Social Pe. Pedro Leonardi. Nela, foi feito o primeiro projeto: o sopão de legumes que alimentava 200 pessoas todas às sextas-feiras. Ali, também, acomodava uma lojinha de roupas usadas, vendidas a um real, além de alguns trabalhos de reciclagem. "Por meio da linguagem audiovisual inovadora e sensorial, serão contadas história de superação, de solidariedade, mas, principalmente, a mudança que esse projeto social vem trazendo à das pessoas da Restinga", afirma Fernando Vanelli, diretor da Supernatural Filmes. 

Para o Padre Ceron, diretor do Centro Social, o documentário é a oportunidade de mostrar que é possível melhorarmos a sociedade. “Educação, cultura e cidadania responsável. É isso que a gente faz aqui. Trabalhamos pela conquista da dignidade humana, na construção de um projeto para as nossas crianças, jovens e adultos em situação de pobreza e vulnerabilidade social”, afirma Ceron. Com coordenação de Lara La Rosa, “A Casa Azul” terá a direção de Rafa Ferretti e roteiro dos irmãos Adriano Cescani e Duca Cescani. As gravações estão previstas para o segundo semestre de 2018. 

 

CENTRO SOCIAL PE. PEDRO LEONARDI

O Centro Social Pe. Pedro Leonardi, na Restinga Velha, em Porto Alegre, foi criado no dia 21 de abril de 2005 pelo pároco da Igreja Nossa Senhora Aparecida da Restinga, Pe. Claudionir Ceron. É uma instituição sem fins lucrativos, vocacionada para a inclusão social de crianças, adolescentes e adultos de baixa renda, em situação de risco e vulnerabilidade. Há programas educacionais, culturais, esportivos e sociais colocados em prática, de segunda a sexta, em diferentes espaços da instituição. No local, há restaurante solidário, biblioteca comunitária, salas de aula, auditório, quadra de esportes, pista de skate, sala de mediação, refeitório e marcenaria e pequena fábrica de shapes para skates. O Centro Social Pe. Pedro Leonardi faz parte da Igreja Nossa Senhora Aparecida, fundada em 12 de outubro de 2001 pelo Arcebispo Metropolitano Dom Dadeus Grings.

 

 

 

 

Veja Também