anaguerra@mundocult.com.br

Notícias

LUANA PIOVANI DESEMBARCA EM PORTO ALEGRE COM COMÉDIA SOBRE AS RELAÇÕES FAMILIARES

 

Com texto e direção assinados por Silvio Guindane, o espetáculo Ele ainda está aqui traça o paralelo de três vidas, completamente distintas, que se cruzam para discutir seus respectivos futuros a partir do que lhes restam no presente: uma herança! Recheada de humor, a peça tem em seu elencoLuana Piovani, Thelmo Fernandes e Omar Menezes, três grandes nomes da cena internacional em países de língua portuguesa. 

A comédia, que estreou no Brasil em setembro, terá curta temporada em Porto Alegre de sexta a domingo, dias 2, 3 e 4 de novembro, no Teatro Unisinos. Os ingressos estão à venda com preços de R$ 40 para quem doar um litro de leite na entrada do evento, R$ 35 para quem tem direito à meia-entrada e R$ 70 no valor inteiro. E também tem promoção especial para o público: ao comprar um ingresso e doar 1kg de alimento não-perecível, você ganha o segundo convite.  Os ingressos estão à venda no site www.blueticket.com.br e também nas lojas Multisom.

Com texto inédito e uma encenação ágil, Ele ainda está aqui tem como tema principal a família. Três irmãos, de diferentes países, que se conhecem a partir da morte do pai, um rico empresário, que apesar de conquistar o mundo, se fez ausente na criação destes filhos. Um espetáculo que diverte e emociona, que observa as expectativas das personagens através de suas ambições e ausências, gerando grande identificação junto ao espectador. 

Com uma ficha técnica de primeira linha, a montagem acabou de estrear no Brasil, em setembro de 2018, com temporadas confirmadas em São Paulo, Rio de Janeiro e turnê nas capitais Fortaleza, Salvador, Porto Alegre, Recife, Brasília, Curitiba, Goiânia e Campinas. Na sequência, o espetáculo seguirá para Portugal, onde se apresentará nas cidades de Lisboa e Porto e, no primeiro semestre de 2019, já tem sua turnê confirmada em países africanos de língua portuguesa (Angola, Cabo Verde, Moçambique, Guiné Bissau e São Tomé).

 

SINOPSE

Almeno morre aos 76 anos de um infarto e, assim como já vimos ao decorrer da vida, famílias que eram muito unidas se deterioram quando chega a hora do inventário. A diferença aqui, é que nossos personagens se conhecem neste momento. Bárbara, Miguel e Francisco. Três nomes de santos católicos, nomes comuns, com referências portuguesas, ou de colonização portuguesa... Aí é que está! Bárbara é Brasileira, Miguel é português e Francisco é Angolano. O que une estas três pessoas é o mesmo pai, ou melhor, a mesma herança. Os três não se conhecem e pouco conheceram o pai. Os filhos de Almeno Albuquerque da Silva, bom vivant, andarilho e poderoso empresário que sempre teve seus negócios espalhados pelo mundo, foram todos criados pelas suas devidas mães. Do pai, os filhos só tem, vagas lembranças, fotos de quando eles eram muito pequenos e relatos de suas respectivas mães. 

Um dia após o enterro do Pai, Bárbara marca um jantar para os irmãos, por fim, se conhecerem e, claro, tentar resolver a divisão da herança que os cabem de forma amigável. Porém ao se encontrarem revela-se que o que está em jogo é muito mais do que o dinheiro e sim os sentimentos, além das ambições de cada um, é derramado neste jantar os afetos não vividos, as histórias trucadas, a presença deste pai através de sua ausência constante durante toda uma vida. Isso tudo, apimentado pela falta de comunicação que se estabelece entre eles através das armadilhas da “língua”, as diferenças de dialeto entre um português, um brasileiro e um africano ajuda a instalar a confusão entre os três. Bárbara é uma empresária de lojas de varejo, que acaba de ir a falência com seus negócios, Miguel é um economista que larga tudo em Portugal no intuito de vir para o Brasil assumir as empresas do pai, já Francisco é um homem que regula de idade com os irmãos, porém sofre de uma doença psíquica, apesar de ser considerado uma pessoa “Especial”. 

Francisco se mostra como a base deste triangulo e se revela realmente ESPECIAL. Doce, inteligente, observador e com uma visão de mundo muito mais profunda que os irmãos, Francisco não está ali pela saga da herança, ele faz com que os irmãos olhem de frente para as coisas mais importantes a serem discutidas e refletidas. O que está em jogo ali, vai muito além do dinheiro e levam o espetáculo para um caminho surpreendente, emocionante e arrebatador.

 

FICHA TÉCNICA

Texto e Direção: Silvio Guindane

Pesquisa e colaboração dramatúrgica: Juliana Tillmann

Assistente de direção: Isabel Guéron

Elenco: Luana Piovani, Thelmo Fernandes e Omar Menezes

Desenhos, charges e caricaturas: Paulo Caruso

Cenário: Mina Quental

Figurinos: Kika Lopes

Iluminação: Daniel Galvan

Trilha sonora: Caique Botkay

Produção de elenco: Marcela Altberg

Assessoria de imprensa: PALAVRA Assessoria em Comunicação

Direção de produção: Miçairi Guimarães e Valéria Alves

Idealização: Omar Menezes

Realização: Vira Lata Produções Artísticas.

 

 

 

ELE AINDA ESTÁ AQUI

Dias 2, 3 e 4 de novembro

Sexta e sábado, às 21h; domingo, às 19h

Teatro Unisinos (Av. Dr. Nilo Peçanha, 1600 - Boa Vista - Porto Alegre/RS)


Ingressos:

R$ 35,00 meia-entrada

R$ 40,00 solidário para quem doar um litro de leite na entrada do evento

R$ 70,00 inteiro

 

Promoção:

Ao comprar um ingresso e doar 1kg de alimento não-perecível, você ganha o segundo convite

 

 

Vendas:
Online: www.blueticket.com.br

Lojas Multisom (Rua dos Andradas, Bourbon Shopping Ipiranga, Praia de Belas Shopping, Shopping Iguatemi e BarraShopping Sul)

 

Descontos:

50% para estudantes, jovens de baixa renda e pessoas com deficiência
50% para idosos
50% para associados do Clube do Assinante ZH (titular e um acompanhante)

A concessão do direito ao benefício da meia-entrada é assegurada em 40% (quarenta por cento) do total dos ingressos disponíveis para cada evento. O Teatro Unisinos disponibiliza até 484 lugares para comercialização de ingressos, o que, de acordo com a lei, libera até 194 lugares para venda de ingressos com meia-entrada.

 

Mais informações pelo Call Center Blueticket: (51) 3117-0850

 

FOTO: Leonardo Zingano

 

 

 

Veja Também