Pages Menu
Categories Menu

Postado em set 14, 2015 em Destaque, Música

Jorge Ben Jor no Araújo Vianna

 

Jorge Ben Jor já tem data marcada para voltar a Porto Alegre. Reunindo os maiores hits de sua carreira, o cantor e compositor fará show na Capital dia 23 de outubro, às 21h, como parte da Agenda Cultural Oi Araújo Vianna. O carioca subirá ao palco acompanhado pela Banda do Zé Pretinho, formada por Lucas Fernandes (bateria), Neném da Cuíca, Dadi Carvalho (baixo), Marlon Sete (trompete) e Jean Arnout (saxofone). A apresentação é realizada pela Opus Promoções e a Agência Produtora. Os ingressos estão em fase de pré-venda exclusiva para clientes Oi e começarão a ser vendidos para o público em geral no dia 27 de agosto. Confira o serviço completo abaixo.

Com uma carreira longa e repleta de êxitos, mais de 20 discos lançados, Jorge Ben Jor é um dos principais nomes do suingue e do sambalanço, gênero que o músico criou e popularizou. Sua primeira composição, Mas que Nada, já foi gravada por Ella Fitzgerald, Julio Iglesias, Milton Nascimento, Paulinho Nogueira, Sérgio Mendes e a banda The Black Eyed Peas. Em sua agenda de shows permanentemente lotada, o artista inclui os clássicos eternos que todo mundo sabe de cor e que têm tudo para animar a festa. Salve simpatia!

 

JORGE SOBRE JORGE

O poeta e músico Jorge Mautner filosofando sobre Jorge Ben Jor em seus “Panfletos da Nova Era”, de 1980.

Jorge Ben, alquimista, sábio, que sabe ser a mitologia negra em igual valor-poder-potência-qualidade-relevância à mitologia dos Antigos helenos que em vão a Alemanha e toda a Europa tentaram imitar. (…)

Jorge Ben e seu Flamengo, seu futebol, suas mulheres com nomes de flores, sua mitologia absolutamente popular, urbana & cósmica, sensual e ideogrâmica “chove chuva, chove sem parar”. Um paradoxo harmonizado: revolucionário e machista!

Sorridente como todos os superiores crânios, da cultura negra do País de cultura nascente, é um tranquilo navegador de oceanos por vezes hostis (como quando de seus inúmeros boicotes por parte desta mesma inteligentzia (burrítzia?) nacional na época da jovem guarda, etc.). Sua imediaticidade direta ideogrâmica ao invés de ser estudada e respeitada foi ridicularizada como “oportunismo”, evidente projeção destes colonizados e complexados escribas acadêmicos para cima de Jorge.

Sábio, naturalmente participante desta cultura nova equivocadamente batizada pelos inimigos de “inferior” “primitiva” “oportunista” “superficial”, sempre confiou em sua intuição soberana. Já intuiu há tempos atrás o soul music, o disco, e foi um dos primeiros a sincretizar o rock, mais do que Roberto Carlos ou Erasmo, em sua definitiva e profunda aparição nacional contemporânea. Por vezes exagerado em sua facilidade de comunicação imediata com os mitos e atmosferas da nação jamais porém deixou de ser autêntico. Sabedoria malandra e filosófica, integrado e simultaneamente à parte do todo de sua classe artística, é hoje ainda, um dos pioneiros, mesmo que, ao contrário de Gil, sua novidade nunca se apresente como inclusão de dados novos e reatualizados, mas sim como aquela novidade eterna da repetição do batuque da eterna alegria que diz sim ao próprio não, Gil e Caetano são além-dialéticos, Einsteinianos, Heraclitianos, Jorge Ben é Parmênides, mas como já nos ensina Heidegger e nos ensinam Cae e Gil e Jorge Ben, Parmênides que diz tudo estar parado é igual a Heráclito que afirma tudo estar em movimento.

 

JORGE BEN JOR E A BANDA DO ZÉ PRETINHO

Dia 23 de outubro

Sexta, às 21h

Local: Auditório Araújo Vianna (Av. Osvaldo Aranha, 685)

www.oiaraujovianna.com.br

Duração: 120min

Classificação: Livre

 

INGRESSOS

Plateia AA, AB, A01, A02, A03 e A04 (GOLD) – R$160,00

Plateia Baixa Central – R$130,00

Plateia Baixa Lateral – R$120,00

Plateia Alta Central – R$100,00

Plateia Alta Lateral – R$ 80,00

-40% de desconto para clientes Oi na compra de um ingresso, apenas para titular da conta, mediante apresentação da última fatura paga dos serviços Oi Fixo, Oi TV, Oi Conta Total, Oi Velox, Oi Velox 3G ou Oi Móvel, e documento com foto. Somente para compras na bilheteria do Teatro do Bourbon Country – limitado a 1.000 ingressos.

– 25% de desconto para sócios do Clube do Assinante RBS – limitado a 200 ingressos;
– 10% de desconto para sócios do Clube do Assinante RBS nos demais ingressos;
– 5% de desconto para titulares dos cartões Zaffari Card e Bourbon Card.

 

* Desconto para Cliente Oi não é válido para plateia Gold;

** Crianças até 24 meses que fiquem sentadas no colo dos pais não pagam

***Descontos não cumulativos a demais promoções e/ ou descontos;

**** Pontos de vendas sujeito à taxa de conveniência;

** Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site e/ou call center, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso ao auditório.

 

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS (sujeito à taxa de conveniência):

Site: www.ingressorapido.com.br

Call Center: 4003-1212 (de segunda a sábado, das 9h às 21h, e domingos, das 12h às 18h)

Agência Brocker Turismo: Av. das Hortênsias, 1845 – Gramado (de segunda a sábado, das 9h às 18h30min, e feriados das 10h às 15h)

Rua Coberta, Câmpus II, Universidade Feevale: em Novo Hamburgo

(de segunda a sexta, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 14h). Mais informações pelo telefone 3271-1208

Bourbon Shopping Novo Hamburgo: Av. Nações Unidas, 2001 – 2º Piso / Centro de Novo Hamburgo (de segunda a sábado, das 13h às 21h).

 

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS (sem taxa de conveniência):

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country: Av. Túlio de Rose, nº 80 / 2º andar (de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingo e feriado, das 14h às 20h)

No local: somente na data da apresentação, a partir das 14h.

 

Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito em uma parcela, débito e vale-cultura.

 

 

foto Bob Wolfenson

foto Bob Wolfenson

También, considere “http://kamagraoraljelly.me/es/” o Comprar Kamagra Oral Jelly. Muchos posiblemente piensan que la eficacia de Kamagra está bien documentada. No tome más de Kamagra o cualquier otro medicamento que el recomendado. El profesional de la salud tiene que resolver el problema qué dosis es la más adecuada. Si el medicamento se usa según sea necesario, es poco probable que esté en un programa de dosificación.