Pages Menu
TRANSFORMERS
Categories Menu

Postado em set 21, 2015 em Arte

Escultor Hidalgo Adams inaugura mostra na DAVERA Arte & Cultura

 

Da pedra bruta, um gesto se impõe. É o gesto soberano do artista, que, atento à natureza da rocha, subverte-a, concedendo-lhe a forma desejada. “Eu me imponho à pedra”, afirma, decisivo, Hidalgo Adams, o escultor, que, cotidianamente, entrega-se ao ofício de encontrar, escolher, transportar, marcar, desenhar, riscar, recortar, apicoar, esmerilhar e lixar, transformar, enfim, compactos blocos de mármore, basalto ou granito em formas escultóricas que encantam pela leveza, forma, acabamento e movimento. Sim. Porque as esculturas de Hidalgo não são blocos inertes. Elas têm movimento, giram no espaço, permitindo uma visão tridimensional da peça e favorecendo uma relação lúdica com quem as manipula ou as visualiza.

Uma parte deste processo, laborioso e complexo, poderá ser apreciada a partir do dia 29 de setembro, terça-feira, na exposição intitulada “Do Abraço à Expansão”, que o escultor apresenta no espaço DAVERA Arte & Cultura, localizado no Lobby e no Foyer do 4º andar do Sheraton Hotel, em Porto Alegre. A mostra inaugura com um coquetel oferecido pelo Sheraton, criado com a supervisão do cheff Mauro Sousa.

Hidalgo Adams apresenta 16 esculturas em mármores e basaltos, em médios e grandes formatos (algumas peças chegam a pesar em torno de 250 quilos). “Prezo pelo alto acabamento e pela funcionalidade da peça, pelas curvas tênues, pela disciplina na simetria da expansão e pelo movimento”, destaca.

O processo
O título da exposição é uma referência a duas linhas de trabalho que Hidalgo Adams vêm desenvolvendo. O abraço já vem sendo explorado há mais de 20 anos e é uma marca registrada de suas obras. “É a expressão de uma carência, não somente minha. Creio que o mundo seria melhor se praticássemos mais o abraço.” Segundo o artista, a linha do abraço é o descompromisso com a forma, na qual interessa apenas o movimento, sua suavidade e leveza. “Por ser mais abstrata, não há preocupação com o conjunto simétrico do movimento, mas, sim, com o equilíbrio visual”, detalha. Já a linha “expansão” veio posteriormente. Possui mais compromisso com a simetria. É representada por um fole em expansão. A produção recente é, pois, a expansão do abraço.

Hidalgo Adams conta que ao se deparar com a pedra bruta, busca descobrir a forma que a pedra lhe permite e tenta encontrar uma solução, dentro da linha de trabalho e da sua necessidade. Essa necessidade atende a uma temática, a um estilo e à demanda do mercado. Não costuma fazer esboços. Os estudos de perspectiva, profundidade e volume são feitos mentalmente e aplicados diretamente na pedra.

O percurso
“Do Abraço à Expansão” marca um percurso de quase 30 anos dedicado à escultura – o ingresso oficial é contabilizado a partir de 1986, quando Hidalgo Adams participou de sua primeira coletiva e conquistou o 2° lugar no Prêmio no Salão Jovem Artista, promovido pela Rede Brasil Sul de Comunicações (RBS). Natural de Cerro Largo-RS, autodidata, Hidalgo Adams se descobriu escultor aos 8 anos, quando fez seu primeiro entalhe em madeira. Aos 13 anos, já havia produzido seu primeiro trabalho profissional. Em 1984, fez estágio no atelier do escultor Guma, que o iniciou na tridimensionalidade e o estimulou a experimentar, a fim de encontrar “a sua linha de expressão”. Em 1988, ingressa no Atelier Livre, onde foi aluno de Cláudio Martins Costa. Entre 1997 e 1998, frequenta o Atelier Vila Nova, onde recebe instruções e ensinamentos de Francisco (Xico) Stockinger. Premiado em salões oficiais, realizou exposições individuais, participou de inúmeras coletivas e criou diversos troféus. Suas obras se encontram em vários espaços públicos e privados do Rio Grande do Sul. Vive e trabalha em Porto Alegre, onde mantém dois ateliers: um no bairro Cascata e outro em Belém Velho.

SERVIÇO:
O Quê: “Do Abraço à Expansão”. Exposição individual de Hidalgo Adams
Onde: DAVERA Arte & Cultura. Lobby e Foyer do 4ºandar do Sheraton Porto Alegre Hotel (Rua Olavo Barreto Viana, 18), Bairro Moinhos de Vento, Porto Alegre-RS
Quando: Abertura: 29/09/2015, das 19h às 21h. Visitação: de 29/09 a 11/10, das 9h às 21h
Informações: 51- 81516166 | (51) 3222.0816 – DAVERA Arte & Cultura

 

Obra de Hidalgo Adams em basalto negro Crédito: Fernando Zago

Obra de Hidalgo Adams em basalto negro
Crédito: Fernando Zago

También, considere “http://kamagraoraljelly.me/es/” o Comprar Kamagra Oral Jelly. Muchos posiblemente piensan que la eficacia de Kamagra está bien documentada. No tome más de Kamagra o cualquier otro medicamento que el recomendado. El profesional de la salud tiene que resolver qué dosis es la más adecuada. Si el medicamento se usa según sea necesario, es poco probable que esté en un programa de dosificación.